Comissão inicia ouvida de vereadores

por Victor Vargas — publicado 23/04/2014 00h00, última modificação 08/11/2018 13h44
A Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara Municipal de Caruaru deu início, nesta...

A Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara Municipal de Caruaru deu início, nesta terça-feira (22), às ouvidas dos vereadores afastados pela Justiça, em dezembro, por causa da Operação Ponto Final 1 e 2. O primeiro a ser ouvido foi Sivaldo Oliveira, do PP, que contesta a acusação. “Foi a primeira chance que a gente teve de demonstrar a nossa inocência, mostrar que realmente não temos nada nesse caso. Quem viu o processo viu o nosso nome – praticamente não é citado em caso nenhum”, disse o parlamentar que, por decisão judicial do desembargador Itamar Pereira, do TJPE, retornou ao cargo ontem mesmo.

O depoimento do vereador aconteceu no Salão Nobre Vereador Leonardo Chaves e foi acompanhado pelos advogados de defesa, pela procuradoria e secretaria jurídica da Câmara. Depois da ouvida de Sivaldo Oliveira, a comissão suspendeu a reunião e retomou os trabalhos, para deliberações internas, no final da tarde.

Nesta quarta-feira (23), a Comissão – composta pelos vereadores Ricardo Liberato, do PSC, presidente; Marcelo Gomes, do PSB (relator); Rozael do Divinópolis, do PROS, secretário; Demóstenes Veras (PSD) e José Ailton (PDT) – deverá ouvir o vereador Cecílio Pedro, do PTB. O depoimento está marcado para as 9h.

Guanabara Comunicação/AscomCâmara

registrado em: